Precisa Recuperar Dados do HD Externo?

  • Sim, nós recuperamos!
  • Recomendada por grandes empresas
  • 99% de avaliações positivas no Google
  • Líder em recuperação de dados empresariais

RECUPERAÇÃO DE DADOS DE HD EXTERNO são procedimentos feitos por especialistas em recuperação de dados, com a finalidade de restaurar informações perdidas em um disco rígido externo que parou de funcionar por algum motivo. Causas comuns que podem levar à perda de dados em um HD externo:

  • Aparecimento de setores defeituosos
  • Ataque de vírus ou ransomware
  • Degradação da mídia por causa da idade
  • Exclusão acidental de arquivos
  • Formatação do HD externo
  • Perda repentina de energia 
  • Queda acidental do HD externo
  • Remoção não segura do HD externo

Independente de você ter deletados uma pasta, o acesso ao HD estar extremamente lento ou ele estar apresentando ruídos estranhos, pare imediatamente de usá-lo e procura ajuda especializada o mais rápido possível.

Você sabia que a primeira tentativa de recuperação pode ser a última? Se os seus arquivos são importantes e você não pode perdê-los, para que se arriscar? Envie o seu dispositivo hoje mesmo para a E-Recovery!

 

solicitar orçamento

RECOMENDADA POR GRANDES EMPRESAS

Endereços da E-Recovery Recuperação de Dados em São Paulo/SP

Para sua segurança e tranquilidade, certifique-se de que a empresa em vista possui experiência comprovada em recuperação de dados e boa reputação no mercado em sites como Reclame Aqui.

A E-Recovery é uma das mais confiáveis empresas de recuperação de dados, conforme avaliação dos nossos clientes:

  • 82 comentários no Google com avaliação 4.9 / 5.0
  • 54 depoimentos de empresas no site
  • 43 depoimentos de pessoas físicas no site

Grandes organizações como Coca-Cola Femsa, Embracon, UOL Diveo, Assaí, SBPC, Mash, Politran, IBEP, Olitel, Seicho-no-Iê e Minha Vida confiaram na E-RECOVERY, você também pode confiar!

Dúvidas?

Ligue 11-3422-0066!

USB STABILIZER PARA RECUPERAÇÃO DE HD EXTERNO

O PC3000 da Ace Laboratory (como a maioria das ferramentas de recuperação de dados) foi projetado para funcionar diretamente com HD’s SATA, em vez de unidades USB. Isso ocorre porque a interface SATA permite o uso de comandos ATA mais abrangentes e eficazes, em vez do conjunto limitado de comandos específicos da interface USB.

Quando recebemos um HD externo USB instável, normalmente efetuamos o acesso SATA trocando a placa lógica USB da unidade por uma placa lógica SATA compatível, ou modificamos a placa lógica USB para permitir o acesso SATA.  Isto requer micro-solda meticulosa e, ocasionalmente, alguma pesquisa. 

Adaptação e conversão levam tempo, e existe o risco de perder, danificar ou corromper a ROM, ou danificar os componentes da placa lógica. Algumas placas lógicas USB (especialmente da Western Digital) simplesmente não podem ser convertidos para SATA, e não possuem um equivalente SATA. Nesses casos, não haveria como recuperar os dados, mesmo usando uma ferramenta sofisticada como o PC3000.

Há também a questão da criptografia. A maioria dos discos externos USB da WD utiliza um circuito integrado na placa lógica para criptografar os dados antes de serem gravados nos pratos do HD. E fazem a operação inversa de descriptografia quando os dados são lidos do HD para o computador. Tudo isso é feito automaticamente, mesmo que o usuário nunca tenha configurado qualquer tipo de criptogração no seu HD externo.

Se fosse possível ler dados descriptografados diretamente de unidades USB instáveis, eliminando a necessidade de converter a placa lógica USB para SATA, isto seria uma opção muito atraente. É aqui que entra uma ferramenta fantástica chamada USB Stabilizer, fabricada pela empresa canadense DeepSpar. Ele se conecta entre o HD externo USB e a porta USB do PC, isolando a instabilidade causada pelo disco do Windows.

É uma combinação de software e um dispositivo de hardware que se conecta entre o PC e a unidade de origem USB. O USB Stabilizer corrige automaticamente qualquer instabilidade do HD externo USB, garantindo que problemas intermitentes na unidade não causem o congelamento, travamento ou desconexão da unidade do software de recuperação de dados e do Windows. 

Sempre que a unidade fica ‘travada’ lendo uma área ruim, ela é reinicializada automaticamente por várias parâmetros definidos pelo usuário, acelerando drasticamente o processamento de bad blocks e diminuindo a possibilidade de degradação física adicional no HD externo. Como último recurso, a unidade pode ser religada automaticamente, e isso acontece sem interromper o processo de recuperação, porque a unidade é mantida montada no Windows mesmo durante a realimentação.

Com o uso de equipamento como o PC3000 e USB Stabilizer, a E-Recovery pode recuperar dados da maior parte de HDs externos instáveis que conectam e desconectam da porta USB ou com leitura lenta causados por bad blocks!

FAQ RESTAURAÇÃO DE DADOS DE HD EXTERNO

Recuperar dados de HD formatado ou dados deletados em São Paulo/SP

Perder dados importantes do seu HD externo pode ser uma experiência frustrante. Felizmente, existem diversas maneiras de recuperar esses dados, desde soluções simples até métodos mais avançados. Este guia detalhado irá te guiar passo a passo pelas diferentes opções de recuperação de dados, desde a utilização de softwares gratuitos até a busca por ajuda profissional.

1. Conecte o HD externo ao seu computador:

  • Certifique-se de que o HD externo esteja conectado corretamente ao computador. Se você estiver usando um cabo USB, tente usar uma porta USB diferente.

2. Verifique se o HD externo está reconhecido pelo computador:

  •  Verifique se o HD externo está sendo reconhecido pelo sistema operacional do seu computador. No Windows, acesse o “Explorador de Arquivos” e procure o HD na seção “Este PC”. No Mac, utilize o “Finder” e procure pelo HD na seção “Dispositivos”.

3. Passos para usar um software de recuperação de dados de HD externo:

  • Baixe e instale o software em seu computador.
  • Inicie o software e selecione o HD externo que deseja recuperar.
  • Escolha o tipo de scan que deseja realizar. Existem diferentes tipos de scan, como “Scan Rápido” ou “Scan Completo”.
  • Aguarde o término do scan. O tempo de scan pode variar dependingo do tamanho do HD externo e do tipo de scan escolhido.
  • Visualize os arquivos recuperados. O software irá mostrar uma lista dos arquivos que foram encontrados.
  • Selecione os arquivos que deseja recuperar e clique no botão “Recuperar”.
  • Escolha o local onde deseja salvar os arquivos recuperados.

4. Entre em contato com um profissional de recuperação de dados:

  • Se as opções acima falharem, você pode considerar a ajuda de uma empresa profissional especializada em recuperação de dados como a E-RECOVERY. Essa opção pode ser mais cara, mas oferece maiores chances de sucesso em casos de danos físicos ao HD ou perda de dados complexa.

5. Dicas importantes:

  • Não formate o HD externo antes de tentar recuperar seus dados. Formatar o HD pode apagar permanentemente seus arquivos.
  • Não instale o software de recuperação de dados no mesmo HD que você está tentando recuperar. Isso pode danificar seus dados.
  • Pare de usar o HD externo imediatamente após a perda de dados. Continuar usando o HD pode aumentar o risco de perda permanente de dados.
  • Salve os arquivos recuperados em um local diferente do HD externo que você está recuperando.

6. Conclusão:

Recuperar dados de um HD externo pode ser um processo desafiador, mas existem diversas ferramentas e métodos disponíveis para te ajudar a recuperar seus arquivos perdidos. Seguindo os passos descritos neste guia e utilizando as dicas fornecidas, você poderá aumentar suas chances de recuperar seus dados com sucesso.

 

Quase sempre é possível recuperar dados de um HD externo formatado. Na verdade, a formatação não apaga os dados do disco definitivamente, apenas apaga os dados das tabelas de endereçamento. Ou seja, seus arquivos ainda estão armazenados temporariamente no HD. Isso continuará até que você grave outras informações neste disco.

Portanto, se você deseja recuperar dados de um HD externo formatado, pare imediatamente de usá-lo. Caso contrário, os dados poderão ser substituídos e você nunca mais recuperará seus arquivos. 

Mas lembre-se de que a recuperação somente é possível quando o HD externo é formatado rapidamente, e não no modo lento. Na formatação completa, todos os dados existentes são substituídos por zeros.

Além de falhas físicas, seu HD externo pode apresentar um problema a nível de software. Isso pode ser uma falha de firmware e, nesse caso, o disco rígido externo terá problemas de comunicação com o computador. Seu computador pode não detectar a unidade completamente ou ser detectado incorretamente.

As infecções por malware também podem resultar em falha de software. Na verdade, muitos malwares são projetados para bloquear seus dados, a menos que você pague aos hackers. Este tipo de malware é chamado de ransomware. Pior ainda, um vírus pode apagar completamente os dados do seu HDD externo. Os arquivos e pastas também podem se recusar a abrir ou desaparecer aleatoriamente e, em seguida, reaparecer quando você conectar o HD externo novamente.

Em geral, as falhas de software podem ser evitadas. Alguns bons hábitos a serem seguidos incluem investir em um bom pacote de antivírus e evitar desconectar o HD externo de modo não-seguro. Antes de desconectar fisicamente a unidade, é sempre uma boa ideia ejetar o disco rígido usando a opção na bandeja do sistema.

Como os HDs externos são montados com algumas partes móveis, eles naturalmente apresentam desgaste com o tempo. Discos rígidos mais antigos são particularmente frágeis devido ao tempo de uso. As peças mais comumente danificadas incluem o eixo, as cabeças de leitura / gravação e os braços do atuador.

Um sinal que indica falha mecânica ou física do HD externo é um ruído de rangido e clique vindo do disco rígido. Além disso, os arquivos armazenados em sua unidade podem ficar corrompidos ou invisíveis, e o disco rígido pode emitir um som de bipe constante. Um som de bipe geralmente significa um problema com o cabeçote de leitura / gravação do HD.

Não há muito que você possa fazer para evitar a falha mecânica do HD externo devido ao desgaste normal por tempo de uso. No entanto, é sempre uma boa ideia manusear o disco rígido com cuidado, evitando quedas ou choques violentos para não piorar a situação. Não tente recuperar os arquivos por conta própria. Envie a unidade para um serviço de recuperação de dados.

Existem muitos motivos relacionados ao software e problemas de hardware que fazem com que o Windows não consiga ler os dados do HD externo. Podem haver muitos motivos pelos quais um HD externo não é reconhecido pelo sistema operacional:

  • A porta USB do seu PC está danificada
  • Existem problemas de partição no HD externo
  • O HD externo está com sistema de arquivos que não é reconhecido pelo Windows (Linux ou Mac)
  • O PC não está fornecendo energia para a porta USB
  • O próprio disco rígido está com problemas
  • Você tem drivers ausentes em seu dispositivo

Por que meu HD externo apresenta a mensagem que precisa ser formatado? Na verdade, este é um problema generalizado para usuários do Windows. Quando você se depara com esse problema, há chances de que o disco rígido está como RAW no gerenciamento de disco, o que bloqueará o acesso aos arquivos da unidade. Por que o HD externo continua dizendo que precisa ser formatado? Abaixo estão algumas causas comuns que você pode observar:

  • Corrupção do volume causado por queda de energia.
  • O HD externo está infectado por vírus.
  • O HD externo está com alguns setores defeituosos.
  • O HD externo não foi removido de modo seguro do Windows.
  • O sistema de arquivos não é reconhecido pelo Windows (EXT, HFS+, APFS, etc).

O HD externo precisa ter uma letra de unidade exclusivo para o Windows reconhecê-lo. Se a unidade não tiver uma letra atribuída, ou estiver tentando usar o mesmo nome de outra unidade, será necessário usar o Gerenciamento de disco para resolver o problema. Assim que o conflito de nomenclatura for resolvido, tente acessar a unidade novamente. Você deve ter sucesso desta vez. Veja como fazer:

  • Abra o gerenciamento de disco do Windows.
  • Localize a unidade cujo nome você deseja alterar.
  • Clique com o botão direito no HD e selecione Alterar letra da unidade e caminho.
  • Escolha Alterar e selecione uma letra para a unidade na caixa suspensa.
  • Clique em OK e em Sim quando for avisado de que alguns programas podem não funcionar corretamente com a unidade renomeada.

Outros problemas que fazem com que uma unidade externa não seja reconhecida geralmente são causados por cabo USB defeituoso ou porta USB danificada.

A primeira coisa a fazer é testar o HD externo em outra porta USB se houver uma disponível. Se você não tiver uma outra porta USB no seu notebook e quer eliminar a possibilidade de que o problema seja nela, conecte seu HD externo em outro computador. 

Também pode ser que o cabo esteja ruim. Experimente trocar o cabo USB por um novo. Isso talvez possa resolver seu problema de conectividade do HD externo com o computador.

E finalmente, se o seu HD não for do tipo USB nativo, existe uma pequena placa adaptadora dentro do case plástico que transforma o HD interno SATA em uma unidae USB. Se este for o caso, remova o HD interno e o conecte diretamente em uma porta SATA de outro computador e verifique se o problema é resolvido.

Todos os componentes do seu computador se comunicam com o sistema operacional usando drivers. Portanto, se o driver do seu HD externo ou do controlador USB  não foi instalado corretamente, isso poderia resultar em uma falha. 

Felizmente, você pode reinstalar facilmente o driver usando o utilitário Gerenciador de Dispositivos no Windows. Veja como desinstalar um driver usando o Gerenciador de Dispositivos:

  • Pressione a tecla Windows + R para iniciar o aplicativo Executar. 
  • Digite devmgmt.msc e pressione Enter para abrir o Gerenciador de Dispositivos.
  • Expanda a seção Unidades de disco e procure o HDD externo. 
  • Se você não conseguir localizá-lo, procure-o na seção Dispositivos portáteis .
  • Clique com o botão direito sobre o HD externo e escolha Desinstalar dispositivo.

Repita as operações para desinstalar o driver USB se um dos itens dos CONTROLADORES USB (BARRAMENTO SERIAL UNIVERSAL) estiver com um ponto de exclamação.

Depois que o driver for desinstalado, feche o Gerenciador de dispositivos e reinicie o computador. O Windows irá reinstalar automaticamente o driver e se tudo der certo, o seu HD externo será reconhecido novamente.

O utilitário CHKDSK é um utilitário de verificação de disco embutido do Windows que verifica e repara seu disco rígido, mesmo se for um HD externo. Ele pode ser executado usando o Prompt de Comando (CMD):

  • Na barra de pesquisa do menu Iniciar, digite CMD
  • Selecione PROMPT DE COMANDO.
  • Clique com o botão direito para executar como administrador .
  • No console CMD, digite \”chkdsk X: / f\” onde X é a letra atribuída ao seu HDD externo. 
  • Aguarde a conclusão da verificação do CHKDSK

Outra maneira de rodar o CHKDISK em modo gráfico é clicar em cima de ESTE COMPUTADOR. Escolha a unidade problemática e clique com o botão direito em cima dele. Selecione a aba FERRAMENTAS e escolha a opção VERIFICAÇÃO DE ERROS e clique em VERIFICAR > VERIFICAR UNIDADE. Ele fará a mesma coisa que no prompt de comando.

Pode demorar um pouco dependendo do tamanho do disco rígido externo. Após a verificação ser concluída, feche o CMD e reinicie o computador para verificar se a unidade está funcionando novamente.

DEPOIMENTOS DE CLIENTES

Agilidade na análise!
“Nossa experiência foi muito positiva, com agilidade no tempo de análise, execução do trabalho dentro do prazo informado e com um volume de recuperação muito satisfatório.”
Flexibilidade na negociação!
“Ficamos super-satisfeitos com o atendimento, o feedback sobre o andamento do serviço, com a flexibilidade na negociação de valores e cumpriram o prazo combinado.”
Prazo de recuperação cumprido!
“A empresa cumpriu com o prazo estipulado na recuperação de dados do nosso servidor IBM, possiblitando prosseguirmos com os trabalhos existentes nos referidos discos.”
Logos de empresas atendidas pela E-Recovery Recuperação de Dados

POR QUE ESCOLHER A E-RECOVERY PARA RESTAURAR DADOS DE HD EXTERNO?

Horário Estendido (Vila Mariana)

Horário estendido de segunda à sexta-feira (08:00 - 20:00 horas) e aos sábados (08:00 - 14:00 horas) para entrega e retirada de dispositivos na recepção do Edifício Berkeley na matriz Vila Mariana.

5 Endereços em São Paulo/SP

Seis endereços nos principais bairros de São Paulo/SP. Independente do local de entrega do dispositivo, a sua retirada deverá ser feita exclusivamente na nossa matriz Vila Mariana.

Retirada Gratuita por Motoboy

Retirada gratuita por motoboy na cidade de São Paulo/SP dentro do centro expandido. A retirada posterior do dispositivo deverá ser feita exclusivamente na nossa matriz Vila Mariana.

Envio Gratuito por Sedex Reverso

Postagem gratuita para envio de HD e SSD (não RAID) por Sedex Reverso, válido para todo o Estado de SP, PR, MG e RJ. Os custos de devolução serão de responsabilidade do cliente.

Tecnologia Avançada

Com a utilização de ferramentas sofisticadas da Ace Labs e DeepSpar, podemos analisar, diagnosticar e recuperar seus dados, independentemente da complexidade da falha do seu dispositivo.

Privacidade dos Dados (NDA)

Entendemos a sensibilidade dos seus dados. Nosso processo de recuperação é projetado para garantir a máxima segurança e confidencialidade, assegurando que suas informações permaneçam privadas.

Experiência Comprovada

Com 15 anos de experiência no setor, somos especialistas em recuperação de dados. Nossa equipe altamente qualificada emprega as mais recentes técnicas e tecnologias para garantir os melhores resultados.

Preços Transparentes

A transparência é fundamental na E-Recovery. Fornecemos orçamentos claros e detalhados antes de iniciar qualquer trabalho e não cobramos valores antecipados, exceto casos muito específicos.

RECUPERAÇÃO DE DADOS DE HD EXTERNO EM 4 ETAPAS

Envie seu Dispositivo

Você pode trazer o seu dispositivo pessoalmente, ou enviá-lo via Sedex ou motoboy.

Diagnóstico Gratuito

Após avaliação do seu dispositivo, você saberá o custo e prazo para a recuperação dos dados.

Recuperação de Dados

Faremos tudo que for tecnicamente possível para recuperar os seus arquivos perdidos.

Entrega dos Arquivos

Após validação, os dados serão devolvidos via nuvem, ou gravados em outro HD.

INICIAR RECUPERAÇÃO DE DADOS DE HD EXTERNO

empresa de recuperação de dados todos os dispositivos

Se você já entrou em contato conosco explicando seu problema, e está ciente dos valores do serviço, chegou a hora de enviar o seu dispositivo!

Rolar para cima