Recuperação de SSD

A E-Recovery é uma empresa especializada em Recuperação de SSD. Com 15 anos na área de TI e mais de 7000 clientes atendidos, possuímos uma das mais altas taxas de sucesso do setor, graças ao contínuo investimento em equipamentos e uma equipe altamente especializada.

O que é um SSD?

Unidades de estado sólido não possuem partes móveis como um HD normal. Se você abrir o case do seu SSD, você verá uma placa de circuito impresso com vários componentes soldados. 

Os dados são lidos ou gravados de vários chips simultaneamente em vez de apenas um de cada vez. Esta é uma das razões pelas quais os SSDs são tão rápidos e eficientes em comparação com um HD tradicional.

A perda de dados em SSDs normalmente ocorrem por causa de corrupção grave no firmware. Com isso, o discos não serão mais reconhecidos e você não terá acesso aos dados gravados.

Em que casos é possível recuperar um SSD?

No momento, somente é possível recuperar dados de SSDs baseados no protocolo SATA. Ou seja, modelos como o Samsung 950 Pro ou SSDs de MacBook Retina não são suportados, porque eles são baseado na interface mini PCI-E. Modelos baseados no protocolo M.2, também não são suportados.

Arquivos deletados, independente do SSD ser SATA, mSATA, M.2 ou PCI-E podem ser recuperados em algumas situações, desde que o comando TRIM não esteja ativado. Neste caso os arquivos são deletados definitivamente ao ser executado o comando de apagamento.

Adata SP550, data SU800

AMD Radeon R7, AMD Radeon R3 (SM2256)

Corsair Extreme series, Corsair Neutron series, Corsair Nova, Corsair Force LS, Corsair Force LX

Crucial BX100, Crucial C300, Crucial C400, Crucial MX100, Crucial MX200, Crucial M225, Crucial M4, Crucial M500, Crucial M550

Goodram CX100, Goodram CX300, Goodram S400U

Intel X18, Intel X25, Intel 320, Intel 510, Intel 710, Intel Postville family (PC29AS21AA0)

Kingston SSDNow UV300, Kingston SSDNow KC400, Kingston HyperX Savage, Kingston SMSM15S3, Kingston A400, Kingston V100 (JMF 616 and Toshiba TC58NCF616GDT), Kingston V200 (JMF 667 and Toshiba TC58NCF667GDT – suporte parcial)

Lite On LCH-256V2S-11, Lite-On MU3

OCZ Vertex 1, OCZ Solid 2 series, OCZ (Barefoot 3) family (IDX500Mxx), OCZ ARC 100, OCZ Vector, OCZ Vector 150, OCZ Vector 180, OCZ Vertex 450, OCZ Vertex 460, OCZ Vertex 460A, OCZ Vector 480, OCZ (Toshiba) Trion 100, OCZ (Toshiba) Trion 150, Toshiba Q300

Patriot Blaze, Patriot Blast, Patriot Spark

Plextor M3, Plextor M3 Pro, Plextor M5S, Plextor M5 Pro, Plextor M5 Pro Extreme, Plextor S2C, Plextor M6V

PNY CS1111

RevuAhn 850X, RevuAhn 850X, RevuAhn 900T PRO

Samsung MLC (S3C29RBB01-YK40 CPU based), Samsung 470 Including Apple models (S3C29MAX01-Y340 CPU based), Samsung PM810 (mSATA version of 470) (S3C29MAX01-Y340 CPU based), Samsung 830 Including Apple models (S4LJ204X01-Y040 CPU based), Samsung PM830, (S4LJ204X01-Y040 CPU based), Samsung 840 (S4LN021X01-8030 CPU based), Samsung PM840 (S4LN021X01-8030 CPU based), Samsung PM841 (S4LN021X01-8030 CPU based), Samsung 840 Pro (S4LN021X01-8030 CPU based), Samsung 840 Evo (Including mSATA) (S4LN045X01-8030 CPU based), Samsung PM851 (Including mSATA) (S4LN045X01-8030 CPU based), Samsung CM871 (S4LN054X02-Y030 CPU based), Samsung 850 Pro (S4LN045X01-8030 CPU based)

Sandisk SSD Plus (SM2246XT), Sandisk X300; Partial support! (except BSY state drives!), Sandisk Ultra II; Partial support! (except BSY state drives!), Sandisk Ultra Plus; Partial support! (except BSY state drives!), Sandisk Genesis; Partial support! (except BSY state drives!), Sandisk Vulcan; Partial support! (except BSY state drives!), Sandisk X110 (M.2 2260) Partial support! (except BSY state drives!)

Seagate 600 series

Silicon Motion family (SM2246LT, SM2246XT, SM2246EN, SM2256K, SM2258H, SM2258G), Silicon Power Slim S55 (PS3111), Silicon Power Slim S60

Smartbuy Firestone, Smartbuy Ignition 2, Smartbuy Ignition 4, Smartbuy Revival, Smartbuy Revival 2, Smartbuy S9M, Smartbuy S11T

Transcend TS256GSSD360S (P3XV60 =SM2246XT)

CFast Lexar Professional 3400; MOSTLY ALL OTHER DRIVES BASED ON SM2246, SM2256 and SM2258 (Intel modifications are not supported!), Phison family (PS3105, PS3108, PS3109, PS3110, PS3111, Toshiba TC58NC1000, Kingston CP33238B), MOSTLY ALL OTHER DRIVES BASED ON PS3105/PS3108/PS3109/PS3110/PS3111/Toshiba TC58NC1000/Kingston CP33238B CPU, Marwell VanGogh \ VanGogh 2 family (88SS9174, 88SS9187, 88SS9189, 88SS9190, 88SS1074), Indilinx Barefoot family (IDX100/IDX110), JMicron\Toshiba family (JMF616 and TC58NCF616GDT), LAMD family (LM87800)

Problemas comuns em discos SSD

Recuperação de Dados de SSD

Através de equipamento especializado que possui as seguintes funções para recuperação de dados:

  • Verifica e restaura as informações da Service Area.
  • Lê e escreve o conteúdo da ROM do SSD.
  • Reescreve o microcódigo do drive SSD.
  • Emula o translator para obter acesso direto aos dados.
  • Fornece acesso direto aos chips de memória através do Factory Mode (torna desnecessária a dessoldagem dos componentes).
  • Bloqueia as células danificadas.

Recuperação de Dados de RAID com discos SSD

Se o seu SSD faz parte um complexo storage configurado em RAID, será necessário enviar todos os discos para fazermos o diagnóstico. Favor colocar uma etiqueta com a ordem em que os discos estavam instalados dentro do equipamento. O funcionamento do serviço é análogo à Recuperação de Dados de RAID de HDs tradicionais.

SSD’s constantemente reorganizam os seus dados, mantendo o controle de suas posições com a finalidade de desgastar menos as células de memória. Este comando é chamado de TRIM. Para isso, o controlador de memória flash e seu firmware desempenham um papel crítico na manutenção da integridade dos dados. Uma das principais causas de perda de dados em SSD’s são erros de firmware.

Os chips NAND FLASH, como os discos rígidos, sofrem com o desgaste natural. Existe uma quantidade determinada de vezes que você pode ler e gravar dados de e para uma única célula antes que essa célula se torne inutilizável. Este limite geralmente varia de 1000 até 100.000 ciclos de leitura / gravação. 

O firmware e o controlador do SSD ajudam a regular o uso de células em um processo conhecido como “TRIM”. Os SSDs tentam distribuir dados de forma igual em todos os chips NAND para que cada célula dure aproximadamente tanto quanto seu vizinho. O processo de nivelamento do desgaste pode falhar devido a um problema de firmware, ou algumas células podem simplesmente morrer prematuramente.

Hoje, a recuperação de dados de SSDs com firmware corrompido (que é a maior causadora de perda de dados nestes dispositivos) é feita utilizando uma técnica especial. Os chips são acessados diretamente através de uma técnica especial chamada “factory mode”, mediante a conexão de um equipamento especial em pontos específicos da placa lógica. Após fazer o dump do conteúdo dos chips de memória, este mesmo equipamento emula a controladora de memória daquele modelo de SSD para posteriormente recuperar os dados.