fbpx

É possível recuperar dados de servidores danificados?

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

O QUE É UM SERVIDOR?

Um servidor é um computador, mas não se parece muito com o computador que você está usando em casa ou no trabalho. Os servidores podem não possuir telas ou teclados. Eles são projetados para realizar suas tarefas sem supervisão e são gerenciados remotamente a partir de outra estação de trabalho do computador. 

Ao contrário do seu computador, os servidores são mantidos em execução o tempo todo. Vinte e quatro horas por dia, sete dias por semana. Uma pequena empresa pode ter um ou dois servidores. Uma grande empresa pode ter dezenas ou centenas agrupadas em enormes datacenters. E, ao contrário do seu computador, um servidor terá muitos HDs em vez de apenas um. Esses discos rígidos geralmente serão discos rígidos especiais de classe empresarial.

Os discos rígidos de classe empresarial, como Seagate Exos e Western Digital Gold, são otimizados especificamente para funcionar continuamente e em sincronia com outros discos rígidos. Isso é exatamente o que um servidor precisa. Você provavelmente não verá discos rígidos de classe empresarial dentro de um dispositivo NAS de consumidor, mas para servidores como o Dell Poweredge ou HPE ProLiant, o desempenho do disco rígido e a longevidade são fundamentais.

Os servidores de aplicativos hospedam aplicativos da web, permitindo que os usuários executem o software por meio de seus navegadores de Internet. Os servidores de banco de dados e arquivos armazenam grandes quantidades de informações, que podem ser acessadas por várias pessoas. Os servidores de jogo permitem que pessoas de todo o mundo joguem online juntas. Os servidores de e-mail permitem que pessoas de todo o mundo se comuniquem umas com as outras. 

Quando você assiste suas séries de TV favoritas na Netflix, seu vídeo está vindo de um servidor de mídia. Enquanto você faz isso, o próprio site é hospedado em um servidor da web. Toda a Internet depende de servidores para sua existência. É difícil pensar em algo que você faz diariamente que não envolve dados armazenados em um servidor da web que está em algum lugar do mundo. Os servidores fazem o mundo girar .

As marcas mais conhecidas de servidores são Dell, HPE, IBM, Lenovo e Supermicro. Os tipos mais comuns de servidores são os que usam VMware ESXi, MS Exchange, SQL, Sharepoint, Hyper- V, Oracle, Citrix XenServer, Windows Server, MySQL, Linux e Unix.

A maioria dos servidores usa uma configuração RAID com HDs redundantes, e os especialistas em recuperação de dados de servidores precisam de um conhecimento completo da arquitetura RAID para um resultado positivo no serviço. Se o seu servidor falhar e você não tiver um backup funcional, as atividades da sua empresa poderão ser paralisadas.

Infelizmente, os servidores são tão suscetíveis a falhas quanto qualquer sistema de armazenamento de dados, e quanto mais discos rígidos tiverem, mais alto será o potencial para sérios problemas de hardware e software. Os servidores são dispositivos de armazenamento complexos, e os especialistas em recuperação de dados precisam de ferramentas especializada para este tipo de serviço.

Os servidores são bastante resistentes e dificilmente apresentam problemas e ele pode ficar praticamente invisível enquanto ele faz seu trabalho. Mas, assim como qualquer outro dispositivo de armazenamento de dados, os servidores podem falhar, travar e quebrar. Quando seu servidor falha, a perda de dados ou interrupções de serviço podem prejudicar seu negócio ou organização.

Servidores podem falhar de várias maneiras, resultando em algum tempo de inatividade para sua empresa. A falha do servidor por si só não causará perda de dados dos discos rígidos. No entanto, um desligamento inesperado pode causar a falha de um ou mais discos rígidos. Um servidor pode falhar se o espaço em que é mantido não for adequadamente ventilado ou não tiver ar-condicionado.

Todos os dispositivos eletrônicos normalmente geram calor. Você provavelmente já sentiu como seu notebook ou smartphone pode esquentar após uso prolongado. Se esse calor não for dissipado corretamente, o servidor pode superaquecer. Isso eventualmente fará com que algum componente interno falhe. Os componentes dentro do seu servidor também podem falhar como resultado do desgaste natural.

Se a placa RAID usada em seu servidor for um modelo particularmente antigo e difícil de encontrar, talvez você não consiga encontrar um modelo compatível para substituir. Os discos rígidos em uma matriz RAID contêm metadados que informam ao controlador como as unidades devem trabalhar em conjunto. Se você instalar um modelo diferente, a nova placa RAID pode interpretar incorretamente esses metadados e você será incapaz de acessar os seus dados. Em alguns casos, ele pode até mesmo criar um novo volume RAID e destruir os seus preciosos dados.

Remover os discos rígidos do servidor e tentar lê-los individualmente não adiantará muito. Os dados na matriz RAID do servidor não podem ser acessados em unidades individuais. Para reconstruir matrizes RAID e recuperar dados, os técnicos de recuperação de dados devem analisar os metadados nos discos rígidos e usar software de emulação para fazer o trabalho da placa RAID.

Os HDs em um servidor são configurados em uma matriz RAID. Uma configuração popular para servidores é o RAID 5, que fornece tolerância a falhas no caso de falha de um disco rígido. Algumas empresas configuram seus servidores com níveis complexos de RAID como RAID 50, que podem tolerar falhas de várias unidades.

Mesmo com a redundância do RAID, qualquer disco rígido, corporativo ou não, ainda irá falhar mais cedo ou mais tarde. E não importa quantas tolerâncias a falhas uma matriz RAID tenha, ela também pode falhar. Um HD em um servidor que funciona 24 horas por dia acabará morrendo à medida que seus componentes se desgastam. 

Não é uma questão de se, mas sim de quando. A falha do disco rígido é, de longe, o motivo mais comum para perda de dados em servidores. Os dados também podem ser perdidos por exclusão acidental ou proposital de arquivos do servidor. As causas comuns de perda de dados do servidor incluem:

  • Arquivos e partições excluídos
  • Corrupção de software
  • Danos na mídia física
  • Danos causados por incêndio ou inundação
  • Erros de configuração
  • Erros do sistema operacional
  • Erro do usuário
  • Falha na migração de dados
  • Falha na reconstrução do RAID
  • Falhas mecânicas do disco rígido
  • Instalações ou atualizações de software
  • Reformatação do volume
  • Substituições de arquivos
  • Tela azul da morte
  • Vírus / Malware

Se o seu servidor parar de funcionar, recomendamos que você chame um profissional imediatamente. Executar utilitários como Check Disk ou procedimentos como Rebuilds podem destruir permanentemente os seus dados. Se você estiver passando por uma situação de perda de dados no seu servidor, conte com a ajuda da E-RECOVERY para recuperar seus arquivos!

Rolar para cima