Como escolher uma empresa de recuperação de dados?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Se você está  em uma situação em que perdeu dados importantes, a empresa de recuperação de dados que você escolher, precisa ser experiente e confiável. 

Com um ambiente seguro, ferramentas adequadas e pessoal qualificado, nelas você terá as melhores chances de recuperar seus arquivos perdidos, de modo confidencial e seguro.

Existem muitos tutoriais do tipo Faça Você Mesmo na Internet, mas tentar recuperar os dados sem conhecimento técnico pode piorar a situação, ou até mesmo impossibilitar a restauração dos seus arquivos.

O que devo observar ao escolher uma empresa de recuperação de dados? 

Abaixo, listamos algumas recomendações do que você deve considerar na hora de decidir qual empresa de recuperação de dados escolher.

99,99% DE ÍNDICE DE SUCESSO

O índice de sucesso na recuperação de dados depende de vários fatores:

  • Tipo de dispositivo
  • Danos existentes no dispositivo
  • Tentativas anteriores de recuperar os dados
Para alguns problemas, o índice de sucesso pode beirar os 100%. Neste categoria podemos incluir HD particionado que não foi sobrescrito com novas informações, RAID com queima da controladora onde os HDs estão funcionais, etc.
 
HDs com danos físicos podem ter um índice menor de sucesso. Em cerca de 50% dos casos a recuperação é possível. Quanto maior a capacidade, menores as chances de sucesso. E nos HDs de grande capacidade, selados com gás Helio, a chance de recuperação é praticamente nula.
 
E finalmente, alguns casos simplesmente não tem solução, ou seja ZERO por cento de probabilidade de sucesso. A maior parte dos ataques de ransomware em servidores, HDs com dados sobrescritos ou DVDs trincados são exemplos desta categoria.
 
Se uma empresa alegar que tem um índice de sucesso de 99,99% parece ser uma estimativa muito otimista. Simplesmente é impossível atingir percentuais próximos a isso na média dos diversos tipos de dispositivos recebidos. Então, não dê muita atenção aos índices de sucesso divulgados. Conforme explicamos, este número varia de caso a caso.

FAÇA SUA PESQUISA

Quando você estiver restringindo sua pesquisa para poucas empresas, certifique-se de verificar a reputação da empresa em sites de reclamações como Reclame Aqui e avaliações no Google.

Ambas as plataformas permitirão que você saiba antecipadamente a experiência de outros clientes com a empresa de recuperação de dados que você está considerando. Você tem que lembrar que é impossível agradar a todos, então algumas das melhores empresas de recuperação de dados podem sim, ter uma ou duas avaliações ruins.

Veja nos comentários do Google se os perfis das pessoas apresentam fotos ou nomes reais. Um outro indicativo que estes comentários são verdadeiros é a quantidade de avaliações já feita pelos usuários. Não precisa ser um Local Guide, mas desconfie de usuários que tem uma única avaliação, exatamente para a empresa que você está considerando.

Outra coisa para se pensar é o seguinte… Como uma empresa de nicho como recuperação de dados pode ter 250-300 avaliações no Google? Empresas conhecidas de ramos muito mais populares não tem nem perto deste número. Será que todas essas avaliações são reais?

transparência nos preços praticados

Na E-Recovery você saberá os valores estimados para o serviço logo na sua primeira consulta, com uma faixa realista de valores mínimos e máximos para o serviço. A transparência no processo, do começo ao fim, é um dos nossos diferenciais.

PREÇO INICIAL ARTIFICIALMENTE BAIXO – Para recuperar dados de um HD ou SSD, certa empresa poderá afirmar que os preços partem de 600 reais, e que para 60% dos casos, o custo máximo seria de 1800 reais para os casos mais simples. Se você perguntar quanto custaria o serviço se o SSD tiver sofrido um dano mais grave, você receberá respostas evasivas de que não há um máximo estipulado, podendo ser 2.000… 5.000… 10.000 reais… 

PREÇO DO SERVIÇO MUITO ALTO – Se você pesquisar verá que a maioria das empresas trabalha com preços dentro de uma faixa razoável de valores. Digamos que a recuperação de dados de um HD danificado, entre as melhores empresas do ramo, ficaria entre 2000 até 6000 reais. Sim, ainda é uma faixa bem ampla, entretanto, não tem por que justificar que uma empresa cobre 15.000 ou mais em um simples HD, ou seja totalmente fora da curva.

PAGAMENTO DO SERVIÇO EM DUAS ETAPAS – Após fazer a análise no dispositivo, algumas empresas poderão solicitar um adiantamento de metade do valor estipulado. Se os dados forem realmente recuperados, você pagará o valor restante. Entretanto, se o resultado da recuperação for negativo, você perderá o valor já pago. A maior parte das melhores empresas de recuperação de dados não cobra se o resultado for negativo, e também não exige nenhum pagamento adiantado, prevalecendo a norma “Sem dados, sem custos”.

DIAGNÓSTICO PAGO PARA TODOS OS DISPOSITIVOS – A maior parte das empresas oferece diagnóstico gratuito em 24/48 horas. E se o seu caso for urgente, disponibilizam avaliação emergencial (paga) que será feita em apenas algumas horas. Algumas empresas poderão cobrar uma taxa fixa de aproximadamente R$ 450,00 para para qualquer dispositivo enviado. Isto não é errado, mas se puder, dê preferência às empresas de recuperação de dados que oferecem avaliação gratuita, pois em muitos casos a recuperação nem poderá ser feita.

FACILIDADES EMBUTIDAS NO PREÇO FINAL – Você poderá ser seduzido por ofertas como envio grátis de qualquer lugar do país, ou retirada gratuita do seu dispositivo através de motoboy. Você já ouviu aquele ditado que fala que ”não há almoço grátis?” Muito provavelmente este custo será diluído entre todos os clientes, através de um preço maior no custo médio do serviço.

QUANTIDADE DE FILIAIS PODE NÃO SER REAL

Muitas empresas utilizam escritórios virtuais para parecerem maiores do que são, com dezenas de laboratórios no Brasil inteiro para receber o seu dispositivo, alguns até mesmo em outros países.

Você será recepcionado num prédio elegante, com várias recepcionistas. Talvez até ofereçam um cafezinho, mas não se deixe enganar pelas aparências. Lá você não encontrará nenhum laboratório ou pessoal técnico. As recepcionistas pertencem à empresas como Regus e outras, que alugam escritórios virtuais apenas para que seja possível divulgar os endereços no website.

Provavelmente o seu HD ou SSD nem será enviado para o laboratório real da empresa que fica em outros estados. Ele ficará guardado, e somente se o orçamento for aprovado eles enviarão o dispositivo para sua sede. Uma maneira fácil de você confirmar isso é prestar atenção no endereço divulgado. Se for um andar inteiro, e não uma sala específica, tenha certeza que é um endereço compartilhado.

A E-RECOVERY também trabalha com escritórios virtuais, mas deixamos bem claro que são unidades de recebimento. E para maior controle no processo, nossas unidades de recebimento estão na mesma cidade onde fica a nossa matriz, em São Paulo/SP. Com isso, podemos manter o tempo reduzido para avaliação, e a mesma segurança no processamento do seu dispositivo.

LEIA O CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

Leia atentamente o contrato de prestação de serviço antes de assiná-lo. Algumas empresas podem solicitar que o cliente desesperado assine o contrato assim que deixar o dispositivo para análise. 

Nada de errado quanto à isso, mas cuidado com as entrelinhas desses contratos. O ideal é você somente assinar um contrato deste tipo após a empresa realizar a avaliação técnica, informando o custo total do serviço de recuperação de dados. 

Leia atentamente todo o documento antes de assiná-lo, para não ser surpreendido com cláusulas como:

  • TAXA DE MONTAGEM DE HD – Se você não pagar, o HD poderá vir desmontado em uma embalagem plástica. Ou pior, você poderá receber apenas os pratos do disco rígido (sem o restante das peças).
  • ADIANTAMENTO ANTES DE INICIAR O SERVIÇO – Algumas empresas podem reter este valor que não será devolvido mesmo que o resultado final seja negativo. 
  • IMPOSTOS INCLUSOS OU NÃO – Cheque se o valor do serviço já está com impostos inclusos, ou se você terá de pagar à parte.

NÃO SE ENGANE COM LOGOS DE EMPRESAS FAMOSAS

Algumas empresas de data recovery afirmam ter trabalhado com várias empresas grandes e conhecidas. Para algumas dessas empresas, isso pode ser verdade.

Mas pense comigo… Você realmente acredita que um grande banco, ou uma administradora de cartão de crédito, querem que as pessoas saibam que eles perderam arquivos de seus computadores? Ou que órgãos públicos conhecidos perderam seus dados? Provavelmente não!

A maioria das grandes empresas não quer de forma alguma que suas experiências com perda de dados sejam transmitidas ao público. Fique com um pé atrás com as dezenas ou centenas de logos famosos que você vê no site de uma empresa de recuperação de dados. Use o seu bom-senso.

A E-Recovery somente publica logos ou depoimentos que são aprovados pelos nossos clientes.

Escolha uma empresa experiente

Abaixo estão algumas questões importantes que você deve considerar ao escolher uma empresa de recuperação de dados:

  • A empresa tem referências de serviços executados anteriormente?
  • Há quanto tempo a empresa que você está considerando está no negócio de recuperação de dados?
  • Quantos casos de perda de dados a empresa já recuperou com sucesso?
  • A empresa pode recuperar dados de sistemas de armazenamento complexos?
  • Eles possuem uma infraestrutura suficiente para realizar o serviço com segurança?
  • Uma empresa experiente em recuperação de dados não cobrará antecipadamente.
  • Muitos oferecem uma avaliação gratuita, ou de baixo custo, antes de executar o serviço.
  • Quanto mais complexo for o trabalho, mais dinheiro custará devido ao tempo necessário para ser gasto na recuperação.

Alguns provedores de recuperação de dados trabalham com apenas alguns tipos de dispositivos, enquanto outros podem fazer a recuperação de quase todo tipo de equipamento.

É quase certeza que todas trabalham com dispositivos comuns como discos rígidos ou pen drives. Mas certos serviços exigem que a empresa em questão possua muita experiência e expertise nesse tipo de recuperação.

Os serviços mais desafiadores em recuperação de dados abrangem sistemas de armazenamento empresarial que trabalham com múltiplos discos configurados com algum tipo de arranjo RAID, como poderosos servidores rodando inúmeras máquinas virtuais.

Não é incomum encontram um único storage configurado com 12 ou 24 HDs de grande capacidade, ou um server rodando uma ou duas dezenas de máquinas virtuais.

Você sabia que a E-RECOVERY é a empresa que mais tem depoimentos de clientes corporativos no Brasil? Na nossa página de clientes atendidos, você poderá encontrar quase 60 feedbacks de empresas que precisaram recuperar dados de NAS, SERVIDORES, STORAGES e DISCOS VIRTUAIS. Nenhuma outra empresa tem tantos depoimentos de clientes desse tipo de equipamentos no Brasil.

Lá você também encontrará dezenas de depoimentos de pessoas físicas que utilizaram nossos serviços e se encantaram com o nosso atendimento para dispositivos como HD, SSD, PEN DRIVE, CARTÃO DE MEMÓRIA ou SSD. Independente do porte do serviço, você sempre terá informações claras e transparentes antes, durante e depois de finalizar o serviço.

Independente de você precisar de recuperação de dados pessoal (HD, SSD, pen drive, cartão de memória, DVD) ou corporativo (RAID, VM, ransomware, fita magnética), a E-RECOVERY possui profissionais qualificados e especializados que poderão realizar o serviço com segurança e uma das maiores taxas de sucesso do setor.

Se você precisar recuperar dados de qualquer tipo de dispositivo, conte sempre com a ajuda da E-RECOVERY, uma das empresas mais capacitadas e transparentes em recuperação de dados do Brasil!

Rolar para cima