fbpx

Como recuperar dados de um computador que não liga?

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Se você tiver dados importantes armazenados em um computador que não está funcionando, existem maneiras fáceis de recuperar esses arquivos preciosos. 

Resolver problemas em um computador que não inicia é frustrante, mas o pânico de perder seus dados é muito pior. Se você não consegue fazer o seu computador inicializar e não tem um backup, não se desespere ainda. Sempre existe a possibilidade de que seu disco rígido esteja corrompido ou morto e, nesse caso, a recuperação de dados será cara ou impossível. 

Mas, em muitos casos, seu computador pode não inicializar por outros motivos: uma fonte de alimentação com defeito, um setor de inicialização corrompido ou um defeito na placa-mãe que deixam seus dados importantes intactos. Portanto, se você não consegue fazer o computador, é hora de ver se os dados podem ser recuperados.

É possível que o hardware do seu computador ainda esteja funcionando bem, mas não consiga inicializar o Windows. Talvez o setor de inicialização do HD esteja corrompido ou alguns drivers de dispositivos estejam deixando você com uma tela preta em vez da área de trabalho familiar do Windows. 

Resolver problemas em um computador que não inicia é frustrante, mas o pânico de perder seus dados é muito pior. Se você não consegue fazer o seu computador inicializar e não tem um backup, não se desespere ainda. Sempre existe a possibilidade de que seu disco rígido esteja corrompido ou morto e, nesse caso, a recuperação de dados será cara ou impossível. 

Mas, em muitos casos, seu computador pode não inicializar por outros motivos: uma fonte de alimentação com defeito, um setor de inicialização corrompido no HD ou qualquer outro problema que deixam seus dados importantes intactos. Portanto, se você não consegue fazer o computador ligar, provavelmente é hora de ver se os dados podem ser recuperados.

INICIALIZANDO O PC A PARTIR DE UM PEN DRIVE

É possível que o hardware do seu computador ainda esteja funcionando bem, mas não consiga inicializar o Windows. Talvez o carregador de inicialização esteja corrompido ou talvez os problemas do driver estejam deixando você com uma tela preta em vez da área de trabalho familiar do Windows. Se o computador ainda funcionar, você pode usá-lo para inicializar em um ambiente diferente que pode (com sorte) acessar seus dados.

Se estiver usando um PC com Windows, você pode criar uma unidade USB inicializável com o Windows para acessar o seu disco rígido. Pegue outro PC e uma unidade USB com pelo menos 16 GB de espaço. Nesse PC, baixe a ferramenta de criação de mídia da Microsoft , execute-a e escolha ISO quando solicitado.

Em seguida, baixe o Rufus, inicialize-o e selecione sua unidade USB em “Dispositivo”, o ISO do Windows em “Seleção de inicialização” e Windows To Go em “Opção de imagem”. Clique em Iniciar e aguarde o término do processo. Quando terminar, você pode reiniciar o computador. 

Quando você vir a tela de inicialização, no entanto, precisará pressionar uma tecla no teclado para entrar no menu de inicialização e escolher a opção de boot através do pen drive. Normalmente, você poderá saber qual é a tecla na tela inicial que aparece assim que você ligar o computador. Geralmente é a tecla DEL, ESC ou uma das teclas de função do seu teclado.

Se tudo correr bem, seu computador será iniciado em um novo ambiente Windows a partir do pen drive. Abra o File Explorer e seu disco rígido deve aparecer lá, com todos os seus dados intactos (desde que seu disco não esteja corrompido). Observe que se o seu disco rígido estiver criptografado com BitLocker, você precisará dessa unidade USB para executar o Windows 10 Pro e precisará da chave de recuperação para acessar seus dados, sem ela, seus arquivos provavelmente desaparecerão para sempre.

Depois de ver seus dados, basta conectar um drive externo e arrastar todos os seus arquivos importantes para ele. A partir daí, você pode reinstalar o Windows com segurança ou solucionar problemas de inicialização sem se preocupar com seus preciosos dados.

INICIALIZE SEU PC A PARTIR DE UM LIVE CD

Hoje em dia os computadores modernos não vem mais com um leitor ótico. Se o seu equipamento for mais antigo e tiver um drive de DVD ou tiver acesso a um gravador de DVD com conexão USB, você poderá tentar este método. Basicamente, é o mesmo esquema de boot através de um pen drive, mas desta vez através de um CD ou DVD.

No site https://livecdlist.com/ você encontrará vários Live CDs ou DVDs bootáveis. Um Live CD é uma mídia ótica com um sistema operacional instalado, permitindo que você inicialize seu computador a partir dele. A maioria dos Live CDs são antigos, mas eles são suficientes para esta tarefa.

Existem Live CDs com Windows ou Linux instalado e a maioria deles deverá funcionar para que você possa copiar os dados para um HD externo ou pen drive. Apenas preste atenção de conectar o seu HD externo onde irá copiar os arquivos antes de inicializar a máquina, pois senão ele não será reconhecido pelo sistema operacional do CD/DVD.

Não podemos indicar nenhum destes Live CDs em especial, mas pessoalmente já utilizamos o HIRENS BOOT CD e o ULTIMATE BOOT CD quando não era comum existirem pen drives bootáveis. Lembramos que a maioria destes Live CDs estão no formato ISO e você precisará de um computador que grave um CD ou DVD a partir deste formato.

CONECTE O HD EM OUTRO COMPUTADOR

Se o seu computador não ligar, você não conseguirá inicializar a partir de um pen drive conforme descrito acima. Você pode, no entanto, remover o HD do computador e conectá-lo em outra máquina em funcionamento para acessar seus dados. Para fazer isso, você precisará de um dock station que converterá seu HD ou SSD SATA para USB,  além de uma chave de fenda e quaisquer outras ferramentas necessárias para abrir seu computador.

Abrir seu PC ou notebook parece assustador, mas na verdade é muito mais fácil. O processo irá variar dependendo do tipo e modelo do seu computador. Consulte a documentação do fabricante que acompanha o seu computador ou visite o site do fabricante. Não podemos orientá-lo durante o processo em cada laptop, mas geralmente você pode pesquisar no Google o número do modelo do seu equipamento para encontrar instruções de desmontagem. 

Quase sempre envolve remover alguns parafusos na parte de baixo do notebook e remover a tampa inferior, o que geralmente dá acesso direto ao disco rígido ou SSD. Em alguns MacBooks, o SSD é soldado na placa-mãe. Nesse caso, você está sem sorte e terá que entrar em contato com uma empresa de recuperação de dados

Se o seu computador for um desktop torre padrão, a remoção é bem mais fácil. Normalmente bastará remover a tampa lateral e você já poderá ver o HD ou SSD. Para removê-lo, desconecte os cabos de energia e dados e remova alguns parafusos para poder ter acesso ao disco. Computador PC miniaturizados podem ser mais complicados de remover o disco, e você deverá procurar instruções de remoção do HD ou SSD no Google.

Com o disco removido, basta montá-lo no dock station e conectá-lo em uma porta USB do computador. Ligue a energia do dock station e o Windows já deverá reconhecer o seu HD como uma unidade USB. Agora, é só conectar um HD externo no computador para copiar os seus dados. Simples, não?

USANDO ADAPTADORES PARA SSD M.2

Se o seu laptop usa um SSD M.2 em vez de uma unidade padrão SATA de 2,5 polegadas, você precisará de um adaptador SATA M.2 para USB ou um adaptador NVMe M.2 para USB. Talvez seja necessário verificar as especificações de seu laptop para ver qual ele usa. Encontrar o adaptador certo é, honestamente, a parte mais difícil deste processo. 

Adaptador NVMe M.2 para USB são difíceis de encontrar. Neste caso, você pode tentar um adaptador NVMe M.2 para PCI-E, mas será necessário conectar este adaptador em um slot PCI-E de um computador de mesa, o que pode ser mais difícil para a maioria das pessoas.

Com a unidade removida, conecte o disco no adaptador M.2 e conecte-o à porta USB de um computador que esteja funcionando. Se for possível, use um computador da mesma plataforma. Portanto, se a unidade vier de um Mac, você desejará conectá-la a outro Mac. 

Com alguma sorte, sua unidade deve aparecer no File Explorer ou Finder. Você pode então selecionar os arquivos de que precisa (ou todos os arquivos, apenas por segurança) e arrastá-los para uma unidade externa. Depois de fazer o backup com segurança, você pode reparar ou substituir seu computador e copiar esses arquivos de volta quando estiver funcionando novamente.

Mesmo com estas 4 dicas você não conseguiu acessar o seu HD? Não se preocupe! A E-RECOVERY possui a maior parte dos adaptadores existentes para HD ou SSD e poderemos extrair os dados do seu disco para uma mídia de sua preferência. Mesmo que o seu dispositivo esteja danificado, podemos recuperar os dados na maior parte dos casos. Entre em contato com a E-RECOVERY e solicite um orçamento sem compromisso!

Rolar para cima